[ARTIGO] Cinemas drive-in: a alternativa de entretenimento na pandemia

Tempo de leitura4 Minutos, 11 Segundos
Anúncios

O cinema drive-in é a principal e mais segura alternativa para sair de casa durante a quarentena.

A pandemia de coronavírus obrigou a indústria do entretenimento a se reinventar — ou inventar de novo. O novo normal inclui eventos grandes como a Comic Con, optando por versões online. E o cinema, por sua vez, resgatou do século passado uma opção bastante popular: o cines drive-in, espaços onde as pessoas entram de carro para assistir aos filmes, que, de quebra, atende as medidas de distanciamento social impostas.

Mas será que os cinemas drive-in conseguem substituir a experiência de ir ao cinema que conhecemos? Pensando nisso, fomos à uma sessão de Drive-in no Rio de Janeiro (RJ) na sexta-feira (04/09) e viemos contar como foi a experiência.

Onde?

Fomos à Arena Drive in da empresa de entretenimento Go Dream, no estacionamento do BarraShopping.

Esquema seguro na pandemia

Todos os serviços que você precisar são oferecidos por QR codes em um app. Precisa ir ao banheiro? Há uma “fila virtual” no aplicativo nadapay, pelo qual você solicita a ida ao banheiro e em seguida te chega uma notificação quando este for liberado, evitando aglomerações. O mesmo app serve para comprar comidas e bebidas, e o pagamento é feito a partir dele, evitando o uso de dinheiro e o contato direto entre os funcionários e os espectadores. Além disso, a saída a pé do carro é permitida somente com o uso de máscara, para ir ao banheiro.

Como funciona

Ao chegarmos de carro, somos direcionados por um funcionário à vaga no estacionamento. Para melhor visão da tela, os carros são alternados e espaçados nas fileiras com a distância de uma vaga entre cada um, sendo todas as vagas separadas por cones. Vale lembrar que não há lugar marcado: sua vaga é definida de acordo com a hora de sua chegada.

Quando estacionamos, os funcionários nos dão todas as informações necessárias para o evento, e a mais importante delas é: a estação de rádio que vai ser transmitido o som do filme! Isso mesmo, nos Drive-ins há apenas telões de cinema sem som! Portanto, é necessário que o carro tenha rádio ou que você leve um rádio portátil ou celular que tenha este recurso para conseguir ouvir o filme! Recomendamos, para uma maior imersão no filme, o uso do rádio do próprio carro.

Experiência pessoal

A Victoria Pereira, da nossa equipe aqui do Meleka Pop, foi assistir ao musical Mamma Mia! (2008):

Fui, pela primeira vez a um Drive-in, e, assistindo a um musical, garanto que foi imprescindível o uso do rádio do carro para o melhor aproveitamento do filme. O filme começava às 17h e cheguei às 16h e 40. O estacionamento estava relativamente vazio, então consegui um bom lugar. Dica: no meio é sempre melhor!

O cinema Drive-in tem uma série de vantagens e desvantagens em comparação aos cinemas regulares de shopping e de rua. Como prós, temos:

Maior privacidade: Com o som próprio de cada carro, podemos fechar as janelas e rirmos ou chorarmos o quanto for sem incomodar o outro espectador ao lado; assim como não somos atrapalhados por pessoas incovenientes no cinema!

Maior conforto: Podemos reclinar a cadeira como quisermos, tirar o sapato e até levar um travesseiro: estamos no nosso próprio carro!

Perfeito para um date: Você e seu date podem ir juntinhos e curtirem cada aspecto dos prós acima, além de ser muito romântico

Já como contras, temos:

Preço: Paguei cerca de 80 reais pelo ingresso, a vaga no estacionamento e a taxa de conveniência inclusa. Antes da sessão, nos é oferecido uma limpeza de vidro de cortesia. Por mais que o preço seja por carro, a verdade é: só se divide entre duas pessoas. Não vale a pena ir com o carro cheio e dividir o preço com 3 ou 4 pessoas, porque só consegue enxergar o filme na íntegra quem está nos bancos do motorista e do carona. Portanto, acredito ser um preço bem alto e não muito acessível.

Distância: Este “contra” pode ser “pró” para muita gente que mora pela região, mas para quem mora na zona norte, sul, central e outras áreas da cidade, o fator distância certamente vira um empecilho. A maioria dos Drive-ins da cidade do Rio se concentra na zona Oeste, nos arredores da Barra da Tijuca, o que tira a comodidade e o privilégio de quem tinha um shopping ou cinema de rua pertinho de casa para frequentar.

O que achamos

A experiência foi ótima! Vale a pena investir, é um evento não muito comum, que vai ser super aproveitado tanto por quem gosta de IR ao cinema quanto por quem gosta de estudar ou saber sobre cinema e sempre teve curiosidade e vontade de frequentar um Drive-in. Procure por um cinema drive-in na sua cidade e nos diga o que achou!

Dicas: Economize levando sua própria comida e guloseimas e não estacione tão perto da tela! No centro, da terceira fileira, a visão foi incrível!

0 0
Happy
0 0 %
Sad
0 0 %
Excited
0 0 %
Sleppy
0 0 %
Angry
0 0 %
Surprise
0 0 %

Deixe uma resposta