Filmes e Séries Notícias

HBO remove ‘…E o Vento Levou” do catálogo após protestos antirracistas

Longa de 1939 mostra escravos conformados e proprietários brancos como heróis


A Warner Média anunciou a remoção temporária do  clássico “…E o Vento Levou” do seu serviço de streaming na HBO Max. Segundo o porta-voz da empresa o filme está sendo removido pela forma como retrata os personagens pretos. “Essas representações racistas estavam erradas na época e estão erradas hoje, e achamos que manter esse título sem explicação e denúncia dessas representações seria irresponsável”, afirmou. 

O filme de 1940 é baseado no romance de Margaret Mitchell. O longa, apesar de ser uma das maiores bilheterias de todos os tempos – com os ajuste da inflação – e ser um dos grandes clássicos do cinema, tem gerado polêmicas desde o seu lançamento. Seja na ficção de sua história, ao retratar escravos de forma simplório e subserviente. O que levou a vários protestos de ativistas e profissionais da indústria na época. Ou na sua realidade, quando ao ganhar o Oscar de melhor atriz coadjuvante pelo papel de Mammy, a atriz afro-americano Hattie McDaniel não pode se sentar junto à seus colegas durante a premiação devido às leis de segregação racial vigentes nos Estados Unidos na época. 

Em meio a protestos contra racismo, "E o Vento Levou" é retirado ...

A decisão da plataforma tem gerado diversas discussões sobre como a arte é uma representação de seu período, e como deveríamos encarar essas obras. O filme voltará ao catálogo com uma “discussão de seu contexto histórico e uma denúncia dessas mesmas representações”, acrescentou o porta-voz

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: